domingo, 21 de fevereiro de 2010

III Duatlo Jovem de Almada

Ontem, depois de uma molha matinal na voltinha de bicla, fui ver o Duatlo Jovem de Almada.
O meu sobrinho foi participar pela segunda vez num Duatlo e pela primeira a correr pelo Alhandra como federado.

Depois da primeira participação ter corrido bem e o puto vir todo contente, estava à espera que desta vez tivesse um resultado parecido com o das Lezírias.

Começou bem, como na prova anterior e entrou para o BTT no 6º lugar, como tinha sido onde perdeu tempo nas Lezírias, pensei que não ia aguentar o 6º lugar no BTT, apesar desta pista ser mais técnica e mais parecida com qualquer coisa de BTT. Na primeira passagem junto ao público lá vinha o Rafa a dar-lhe e ainda em 6º, depois da volta mais longe do público, vejo os dois da frente juntos, o 3º e 4º juntos e o Rafa já em 5º e sozinho. Depois foi entrar para a última corrida e segurar o excelente 5º lugar.

O sacana estava mesmo contente… também eu:)
Já perto do final do ciclismo
(quem é que te arranja pneus bons quem é?)

A chegar em grande

terça-feira, 16 de fevereiro de 2010

Laureus - Desportos de acção

Danny MacAskill, nomeado para os Laureus, os Óscares do desporto que já tiveram uma edição no nosso país.

Vale a pena ver até ao fim...


quarta-feira, 10 de fevereiro de 2010

Duatlo das Lezírias 2010 - Rescaldo

Já fiz a estreia no duatlo.

No sábado foi dia de me iniciar no duatlo, eu e quase a família toda. Eu, a minha mulher, o meu sobrinho, o meu cunhado e ainda o meu amigo Carjé fomos todos experimentar fazer uma provar de duatlo.

O meu sobrinho Rafa, que anda a correr que se farta, foi fazer a prova de iniciados e depois de sair para a bicicleta em 6º, acabou por perder alguns lugares na secção de ciclismo e acabou num muito bom 17º. Espero que continue a fazer mais duatlos, triatlos, atletismo e natação sempre com divertimento e prazer.

Depois de mais algum tempo de espera que os restantes escalões concluíssem as suas provas, foi a vez da prova lazer e do empeno dos mais velhos.

Tocaram a buzina e começou tudo doido na corrida, tentei marcar o Carjé, o homem do atletismo, mas nem durou 200m, depois tentei marcar o Ventaneira e ainda me aguentei 500m, tive que abrandar para o meu ritmo pois correr não é mesmo comigo. A Sofia ficou logo para trás e fez a prova toda no seu ritmo.

Na transição mudei de sapatos e deu para recuperar a pulsação, aí sim, foram 14km a fundo, passei o Ventaneira, o Carjé e mais uns 30 atletas. :)

Depois, de volta ao parque de transição para iniciar o último segmento da corrida, é que foi o massacre, parecia que nem sabia correr, os primeiros 500m foram mesmo sofridos para conseguir ganhar o ritmo da corrida. Depois de virar no bidon para os últimos 500m cruzei-me com o Carjé e logo depois com Ventaneira e pensei “vou ser agarrado mesmo no fim”, mas as pernas lá começaram a ganhar ritmo e consegui alargar o passo… mas foi por muito pouco.

A Sofia acabou já um bom bocado depois, mas ainda com atletas atrás… (és a maior :))

Resumindo, gostei da experiência e é para repetir, embora com mais treino de corrida e numa distância um bocado maior, não tenho pernas para “sprint’s”…

Quem ficou viciada foi a Sofia, já está inscrita no duatlo do Cadaval. :)

Rafa – 17º Iniciados – 0:16:48
Nelson – 5º Sénior / 15º Geral – 0:44:06
Carjé – 6º Sénior / 17º Geral – 0:44:27
Ventaneira – 12º Sénior / 30º Geral – 0:47:02
Sofia – 20ª Feminina / 89º Geral - 1:04:29

Rafa (de branco) em grande

Eu (de vermelho) a entrar para a recta final do ciclismo

Ventaneira (de preto) no mesmo sítio
Sofia a iniciar o ciclismo
Carjé (4º na primeira corrida) a chegar à meta (tens mesmo que arranjar uma bike em condições)
Que venham os triatlos :)

sexta-feira, 5 de fevereiro de 2010

O meu primeiro duatlo

Parece que é amanhã que me vou estriar num duatlo.


Ainda ponderei fazer a prova da taça PORterra, mas depois de ver as distâncias, ponderei bem e achei melhor fazer uma estreia menos ambiciosa e ficar-me pela prova lazer. :)

Já sei que a transição da bicicleta para a segunda corrida vai ser difícil, mas sinceramente acho que, para mim, difícil vão ser as duas corridas… Se não for a dar ao pedal que me safe, a correr é que não vai ser com certeza…

Objectivos: Não ficar em último e divertir-me.