quarta-feira, 25 de novembro de 2009

1º PDA cancelado

Devido à chuva e a muita gente não puder vir (2 ou 3 já são muitos), vou cancelar o 1º PDA.
Depois volto a arranjar uma nova data…

segunda-feira, 23 de novembro de 2009

De volta ao rolo

Hoje foi dia de rolo.

Como já não fazia rolo há bastante tempo (na semana passada foi só meia horita não conta) hoje cheguei a casa e fiz um treinozinho de 1 hora e picos.
Fica aqui o som (bastante eclético :)) que tinha escolhido mais ou menos à pressa para um treino de várias intensidades.

Bobby Mcferrin - circlesong – one (aquecimento)
Buraka Som Sistema - IC19 (subir a pulsação)
Guns N' Roses - You could be mine (manter alta em rotação)
Elvis Presley - (Marie's The Name) His Latest Flame (manter alta em rotação)
Iron Maiden - Wasted Years (menos rotação)
Muse - Knights Of Cydonia (subir até aguentar)
Joy Division - Love will tear us apart (recuperar da anterior)
Nirvana - Love Buzz (manter)
Pearl Jam - Just Breathe (manter)
The Rolling Stones - Wild Horses (cadência lenta)
STEVIE WONDER - PASTIME PARADISE (cadência lenta sempre em pé)
Queen - Don't Stop Me Now (subira até aguentar)
The Prodigy- Colours (descer em rotação alta)
The Streets - Dry your eyes (recuperação até parar)
Já não me lembrava de suar tanto…

quinta-feira, 19 de novembro de 2009

A estreia da Italiana

Finalmente chegou a “fininha”.


Já há alguns meses que andava para comprar uma bicicleta de estrada, mas como não queria gastar muitos €, a minha opção era comprar uma coisa em 2ª mão. Ora via preços, ora achava que não devia comprar, mas finalmente me decidi a sério. Da decisão à compra ainda passaram uns tempinhos, ou pediam muito dinheiro ou as mais baratinhas não eram nada de jeito. Como já estava farto de procurar e de esperar que me ligassem das lojas onde tinha estado e como sabia que nunca mais se lembrava de avisar se aparece-se alguma coisa de jeito, resolvi ligar ao Hilário da Hilzy, “tenho aqui uma Trek que é mesmo aquilo que tu queres”, fui lá ver e até estava porreira o único problema era o tamanho, 56, problema para mim porque resolveu-me logo o assunto em menos de um ai, “tenho aqui um quadro Bianchi 54, meto o material da Trek aqui e ficas com um quadro e uma forqueta nova”, ok, lá ficou assim e fui para casa à espera da montagem.

Quinta-feira, telemóvel a tocar – Hilário - porreiro já está pronta, “Olha, tou a acabar de montar isto amanhã já podes vir busca-la, fiz aqui umas alterações e meti umas coisas e tal… tá linda linda…” humm, mas como confio e muito no homem, afinal deve ser dos melhores mecânicos do país com N Voltas, Giros e outras provas de nível mundial feitas nas melhores equipas de ciclismo, não me preocupei muito.

Sexta-feira, ai vou eu todo lampeiro buscar a nova menina e quando chego à loja lá estava o quadro que me tinha mostrado, mas equipado com tudo menos aquilo que estava na Trek… “Epá Hilário, tinhas alterado umas coisinha?! Mas isto tá tudo novo?!” – “Tá bonita não tá…” Da Trek que tinha visto ficou o espigão em carbono do selim, o pedaleiro e os pedais. Montou peças já antigas, mas novas (assim como o quadro e forqueta) que tinha lá pela loja; entre outras, destaco o avanço de carbono, as rodas Bianchi com cubos (pelo menos o de trás) em carbono e o selim San Marco igual ao que tenho na La Pierre (assim o rabo já não estranha).


Sábado, dia da estreia, escolhi uma voltinha plana para me habituar a bicicleta e fui até ao Guincho. Cheguei ao Guincho e tive que para par acertar a inclinação do selim, estava a dar-me cabo do escroto… Volto para trás com a ideia de ir a Algés pela Marginal e fazer uns km’s mas, como era o fim-de-semana dos furos, fiquei-me pela praia da Azarujinha. Telemóvel, assistência em viagem e lá me foram buscar.


Deu para ter uma primeira impressão da bike, tem uma condução bastante diferente da BTT e ainda ando um bocado a nora com as mudanças (entretanto já a meti no rolo ontem), mas parece que vou fazer uns belos km com ela, se calhar vai já a Sagres no dia 12…

segunda-feira, 16 de novembro de 2009

Rescaldo do "À Volta do Mosteiro"


As expectativas já não eram grandes mas lá fui até à Batalha para mais uma Resistência.

Sai de casa bem cedinho pois o caminho ainda era longo e encontrei-me com o Ouro já na Batalha. Assim que cheguei comecei logo a gostar da organização, o “Honey White” a bombar bem alto para dar pica à malta. Levantar o dorsal, chip, etc. preparar a bike, a bebida (se o Powerade tiver com umas natas estranhas, mesmo que dentro da validade, não bebam porque está mesmo estragado), ferramenta, etc. e meta connosco.

Arrancamos nas calmas, sem esticar muito, grande erro, entramos num single com muita gente à nossa frente e tivemos que ir em filinha porque não dava para ultrapassar. Acabei por me separar do Ouro e deixamos logo de ir juntos desde o início.

Adorei o percurso, não tinha zonas técnicas por ai além mas era muito divertido, pena mesmo foi os lancis. Nas primeiras voltas era só malta a encostar com furos graças aos lancis, pensei que, se no início era assim e a malta ia fresca para “puxar” a bicicleta, nas últimas voltas ainda ia ser pior, felizmente deixou de haver furos graças a uns barrotes que a organização acabou por meter no chão durante a prova, mas eu como estava no fim-de-semana dos furos (também furei no Sábado na estreia da “fininha” italiana, mas fica para outro post), tinha que rebentar o pneu num lancil a 20min. do final da prova, com um bocadinho de sorte e pernas talvez ainda desse para dar mais 2 voltinhas, acabei a pé e a até um pouco fresco, até deu para dar umas corridinhas para não perder muitos lugares.

O Ouro teve que desistir ainda mais cedo que eu, infelizmente por problemas físicos, sempre prefiro ter furos… :)

Não podia deixar de falar nas escadas com a rampa no fim ao estilo de DH, tenho que arranjar fotos a passar aquilo no ar.

Resumindo, foi muito bom, bem organizado; o almoço embora tenha atrasado estava porreiro e o percurso foi bem “esgalhado”… Apesar de lancis a mais e de uma palete no túnel do campo da bola que não faço ideia o que estava a li a fazer (como achavam que tinha poucos lancis ainda meteram mais aquilo).

Acabei por ficar a meio da tabela, 94º à geral com 9 voltas, o que até nem foi mau de todo. Para o ano é para os 75€… :) :) :)
Já me esquecia, não tenho a certeza se foi o vencedor mas nos primeiros lugares ficou, fez a prova numa bicicleta de cyclocross, brutal… Se a moda pega vão ver nas maratonas mais rolantes as “fininhas” a ganhar provas…


Foto das escadinhas com a rampa :)

quarta-feira, 11 de novembro de 2009

À Volta do Mosteiro - Batalha

Domingo é dia de, mais uma vez, andar às voltas. Desta vez, às voltas do Mosteiro da Batalha.

Gostei da ideia de passar junto ao Mosteiro e lá me inscrevi. A forma física não é das melhores, o futebol, a piscina, o tempo de merda e por consequência a falta de treinos de bicicleta, fazem com que vá apenas pelo local da prova e pela diversão.

Mais uma vez, só eu e o Ouro é que vamos andar às voltas… andam aí muitos fraquinhos… ;)

terça-feira, 3 de novembro de 2009

1º PDA - Passeio Desorganizado AZBtt

Já andava com esta ideia há algum tempo…
O 1º PDA (Passeio Desorganizado AZBtt), vai ser no fim-de-semana de 28 / 29 de Novembro, nem que seja o único a participar.
A zona escolhida é a Serra de Sintra, e o arranque vai ser da praia do Guincho às 9:00. Quem quiser aparecer e trazer um amigo está à vontade. Vou tentar arranjar sítio para um duche e restaurante para um almoço convívio.
O passeio não tem qualquer preço (apenas se for necessário pagar o duche) ou inscrição, apenas peço a quem queira almoçar que deixe um comentário a avisar para poder marcar o número de pessoas.
Deixo uma votação ao lado para a malta escolher o dia, Sábado ou Domingo.
Vou dando notícias e actualizações sobre o 1º PDA… Apareçam.